terça-feira, 24 de abril de 2012


Vencendo a Tentação Sexual ( 2ª parte )
O Homem de Sucesso
José experimentou a presença de Deus no Egito, de modo muito especial.
As Escrituras atestam em Gênesis 39:2 que o Senhor era com José que veio a ser homem próspero. Potifar ficou profundamente impressionado com o comportamento do novo escravo. Tornou-se óbvio que a mão de Deus estava na vida de José e que o Senhor fazia prosperar o que se achava em suas mãos. Que testemunho era sua vida ! Não tentou impressionar o dono
 com palavras sobre suas habilidade. Deixou sua vida falar, e ela falou.
A admiração e o respeito de Potifar por José tinham limites. José “ logrou “ mercê perante ele, a quem servia, ele pôs por mordomo de sua casa, e lhe passou ás mãos tudo o que tinha “ – Gênesis 39:4. O Senhor continuou a derramar bênçãos sobre José que, consequentemente, eram extensivas a casa de Potifar, que tinha confiança nele. Como modormo encarregado de tudo, o patrão não se preocupava com nada. Deu-lhe grande responsabilidade com autoridade proporcional.
A Mulher Pecadora : Aconteceu, depois esta coisas que a mulher de seu senhor, pôs os olhos em José e lhe disse: Deita-te comigo; ele, porém, deixando as vestes nas mãos dela saiu, fugindo para fora – Gen.39:7, 10 e 12. Potifar confiou tudo o que possuía aos cuidados de José e saiu para uma viagem em perfeita paz. A esposa de Potifar sem dúvida, já estava observando José há muoito tempo. Ficara impressionada de ser alto, moreno e bonito.Desavergonhada mente entregou-se a luxúria. As mulheres egípicias tinham a reputação de serem lascivas e infiéis. Ela não foi uma exceção. Tenho certeza de que ela achou que seria fácil seduzir a José. Afinal de contas, era só um escravo e os escravos não possuíam nenhuma moral. Assim que vislumbrou uma oportunidade, aproximou-se de modo muito direto. Abordou o assunto usando apenas três palavras para dar o recado;
“Deita-te comigo!” Foi incisiva, brusca! O desejo a consumia! Ela, muito possivelmente, nunca fora antes rejeitada. Deve ter sido um golpe para seu ego, contudo, não desistiria facilmente. Era persistente. Certamente, sentia que com um pouco mais de pressão e persuasão poderia modificar a decisão dele.Falava com José dia após dia. O que e como, não esta registrado, mas não precisamos ter uma imaginação muito fértil para ler nas entrelinhas.
Aurélio Buarque de H.Ferreira define tentação como “ disposição de ânimo para a prática de coisas censuráveis”. È exatamente o que ela estava fazendo a José todos os dias. Não media esforços na tentativa de seduzi-lo.

Cont. na próxima edição, compartilhe e divulge.
Deus te abençoe.

Um comentário:

  1. Muito interessante o Blog !
    Embora tenha visto rapidamente, gostei bastante e te convido para conhecer, seguir... meu espaço:

    http://www.bolgdoano.blogspot.com.br/

    Muito obrigada, desde já !

    ResponderExcluir